23 de outubro de 2012

Pelas margens da Ribeira de Pera

Já algum tempo que não tenho possibilidade de fazer uma caminhada junto à Ribeira de Pera, mas espero que logo que seja possível retomar este hábito e levar, como de costume, a família comigo. 

É interessante como conheço estes caminhos há tantos anos mas todas as vezes que lá passo deparo-me com novas belezas, descubro novos percursos, tiro novas fotografias. Do verde intenso do verão  ao dourado do Outono, passando pelo desabrochar da Primavera.

Recomendo, a quem ainda não teve oportunidade, que faça o percurso da Salaborda Nova ao Mosteiro e num outro dia o do Mosteiro ao Rabigordo e volte pela outra margem para o Mosteiro. Mas existem mais percursos pedestres no concelho e até mesmo fora dele. Sugiro também os existentes no Coentral, Castanheira de Pera.

1 comentário:

Manuel Tomaz disse...

Nos meus tempos de rapaz (há mais de 60 anos) bem conhecia esses trilhos, nessa epoca com o objetivo de nadar na Ribeira e pescar algum peixe. Curiosamente, foi lá que aprendi a nadar.
Os meus cumprimentos,
Manuel Tomaz